Xadrez Verbal #146 Direitos Humanos

Matias Pinto e Filipe Figueiredo recebem o historiador Andrew Traumann, autor do recém-lançado livro Os Colombianos, para comentar o resultado eleitoral no nosso vizinho. Quais incógnitas que ficam e o que a vitória de Ivan Duque representa?

Falando em eleições, fomos até a Turquia, onde teremos pleito neste final de semana. Quais os principais candidatos e o que muda no país, que agora será presidencialista?

Já no bloco principal voltamos aos EUA, com a saída do país do Conselho de Direitos Humanos da ONU e a repercussão da política migratória no que concerne crianças. Afinal, alguém tem razão ou é política partidária?

Posts Relacionados

Lágrimas Sudacas

Desde que a Copa do Mundo passou a contar com cinco seleções sul-americanas, a partir da edição de 1998, esta foi a pior estreia do Brasil e seus hermanos, contrariando a expectativa das respectivas hinchadas, pois tirando o Uruguai – curiosamente o único que venceu e classificou-se – os demais países estão no Top 10 de vendas de ingresso: Brasil (3º), Colômbia (4º), Argentina (7º) e Peru (9º).

O caso dos peruanos é o mais emblemático. Sem disputar a competição há 36 anos – aproximadamente 67% da população do país nunca tinha visto La Blanquirroja em um Mundial – a equipe comandada por Ricardo Gareca já está eliminada, restando um jogo para cumprir tabela contra a Austrália. Apesar da frustração, os incas deixaram uma boa impressão na Rússia e mostraram atuações coesas, jogando de igual para igual com dinamarqueses e franceses.

Ao contrário dos argentinos, que pouco agrediram a Islândia e tomaram um baile da Croácia. Resta torcer por um tropeço dos islandeses diante da Nigéria, para depender apenas de uma vitória sobre os africanos e ainda tirar a diferença no saldo para os nórdicos, que enfrentam os líderes croatas.

Mas é justamente esta dependência que aflige os albicelestes, já que nenhum jogador teve atuação destacada nas duas rodadas, marcadas pelos erros de Caballero, o nervosismo do sistema defensivo, a pouca combatividade do meio-de-campo e a falta de tranquilidade do ataque.

Em relação aos cafeteros, a avaliação é mais complexa devido às circunstâncias que levaram ao primeiro gol japonês. A expulsão precoce de Carlos Sánchez – ironicamente, já que é um jogadores que mais se doam no plantel de José Pekerman – seguida do pênalti convertido por Shinji Kagawa, fez com que a Colômbia corresse atrás do resultado, jogando mais de 80 minutos em desvantagem numérica. O empate transitório veio na vivacidade de Juan Quintero, mas a primeira vitória asiática diante da América do Sul se deu numa pane defensiva aproveitada por Yuya Osako.

A atual generación dorada já dava sinais de declínio ainda nas Eliminatórias, e no equilibrado e imprevisível Grupo H não seria surpresa que os colombianos acompanhassem peruanos e, provavelmente, argentinos em um retorno antes do esperado para o nosso continente.

Posts Relacionados

Xadrez Verbal #143 Adeus Rajoy

Recebemos João Gabriel Almeida para comentar sobre as eleições colombianas e o vindouro segundo turno entre Iván Duque e Gustavo Petro. Aproveitamos e giramos pela nossa vizinhança, de Porto Rico até a Argentina, incluindo uma passadinha pelo Brasil. Vamos também ao Oriente Médio, onde são prometidas eleições na Líbia e tem greve de caminhoneiro também.
De lá fomos para a Europa, onde teve referendo sobre o aborto na Irlanda, primeiro-ministro destituído e novo governo na Espanha, e também confirmação do novo governo italiano, depois de desistência. Calma que você vai entender tudo, assim como na Ucrânia teve jornalista que morreu, mas passa bem.

Posts Relacionados

Conexão Sudaca #167 Semanas Copeiras XII

A Fase de Grupos enfim chegou ao fim, confirmando o mata-mata mais copeiro deste século, com 13 clubes que já tocaram em La Copa entre os classificados!

Também repercutimos o vídeo que a Federación Peruana de Fútbol dedicou aos seus adversários na Copa do Mundo e debatemos o caso Paolo Guerrero, além de debatermos as eleições colombianas e venezuelanas no Boletim Bolivariano.

Para finalizar, o lançamento de Navegar Neste Mistério, single do primeiro álbum (ainda em concepção) do amigo porto-alegrense Nino.

Posts Relacionados

Conexão Sudaca #160 Eleições na Colômbia

Com a volta de Léo e Gabri, nossos muchachos conversaram com João Gabriel Almeida, direto de Bogotá, que atuou como Coordenador de Comunicação para a FARC nas últimas eleições para o Senado.

Também analisamos a atuação das seleções sudacas que estarão na Rússia, no penúltimo teste antes da convocação final para a Copa do Mundo, além da homenagem a René El Loco Houseman, que nos deixou na última quinta-feira (22/03).

Posts Relacionados