Posts Relacionados

Baião de Dois #192 Vital e o seu Moto

A fase de grupos da Copa do Nordeste está chegando ao fim e nossos cabras começaram olhando a tabela de classificação, para depois apontar os destaques da rodada, como o Clássico das Multidões e a invasão da torcida do Confiança em plena Fonte Nova.

Já a Copa do Brasil chegou na sua terceira fase, com cinco nordestinos ainda vivos, inclusive com um confronto direto entre Ceará e Vitória. Também podemos falar um pouco sobre outro destaque do torneio, o Afogados, que jogará contra a Ponte Preta.

No mais, saiu a tabela da Série D com muitas mudanças em relação ao ano passado. Primeiro teremos uma fase preambular com quatro confrontos que determinarão as últimas vagas na fase de grupos, da qual repassamos todos os times nordestinos que participarão e seus respectivos adversários.

Por fim, uma passada pelos Estaduais, com destaque para o Campeonato Baiano, sem os times principais da dupla BaVi e um artilheiro conhecidíssimo do futebol nordestino. E aproveitamos o Superclássico de São Luis, para falar sobre Moto Club e Sampaio Corrêa, já que os clubes da capital estão disputando apenas o Maranhense.

 

Posts Relacionados

Baião de Dois #191 Goleiro de Boné

O Carnaval acabou, a curtição foi excelente e nossos cabras vieram contar o que passou nesses quinze dias que ficamos fora. Para iniciar, parece que Deus está um pouco mais próximo da Série C com um novo regulamento que substitui a fase de acesso do mata-mata por um quadrangular que mistura os times dos dois grupos. Discutimos como isso afeta o planejamento dos clubes e quais os pontos que precisamos manter a atenção.

Pegando os passaportes, viajamos até o Paraguai para falar do primeiro triunfo do Bahia em outro país, com uma exibição de gala contra o Nacional. Já em Fortaleza, com requintes de crueldade, falamos sobre a grande partida que o Leão do Pici fez, porém, com um final muito triste em pleno Castelão.

Foi a nossa vez de exaltar o Afogados da Ingazeira e seu enorme feito contra o Atlético-MG. Como a torcida recebeu isso e, inclusive, as manifestações nas redes sociais. Também conversamos um pouco sobre o confronto nordestino da segunda fase entre River e América de Natal, time de Tiago Orobó, o artilheiro do Brasil.

Por fim, falamos sobre o campeonato pernambucano e o Clássico das Emoções disputados no último domingo (01/03) com vitória tricolor. E sobre o Sergipano, reforçando a excelente fase do Confiança, classificado para a Copa do Brasil de 2021. Entre os rebaixados, a surpresa do Lagarto ser um dos times que jogará a B ano que vem. 

Posts Relacionados

Baião de Dois #189 Já vai, professor?

Abrimos esta edição saudando o grande Pepeu Gomes – o Satriani com alma – pelos seus 68 anos, completados na última sexta-feira (07/02).

Dentro de campo, discutimos os detalhes da emocionante terceira rodada do melhor campeonato do mundo: a Copa do Nordeste.

Daniel Facó se emociona mais uma vez com a estreia do Fortaleza na Sul-Americana e faz uma previsão de público visitante digna de senso da Polícia Militar.

Também falamos dos nordestinos classificados e eliminados na primeira fase da Copa do Brasil, até o momento, e dos jogos vindouros.

Por fim, falamos da troca de técnicos nos primeiros 40 dias do ano e o que aguarda os clubes que não estão bem na temporada.

Pra fechar com chave de ouro, junte-se a nós para tentar entender a confusão temporal que a Federação Potiguar aprontou para o Estadual.

Rádio BD2 – Ano 1

Rádio BD2 – Ano 2 

Posts Relacionados

Plantão SDT Na Bancada #05 Calendário 2020

Na última edição do SDT Na Bancada tratamos dos problemas estruturais do calendário do futebol brasileiro. Dias depois, a CBF anunciou as mudanças para a próxima temporada, com a forte propaganda de estar atendendo aos desejos de clubes e jogadores.

Dentre outras coisas, as séries C e D tiveram as agendas ampliadas, indo até novembro, com a quarta divisão nacional mudando de formato; no entanto, viu-se o “cinismo” da Confederação em relação às datas-FIFA e Copa América.

Anderson Santos atualiza o debate sobre o tema, analisando especialmente os pontos positivos e negativos da mudança na base da piramide, além da situação de outras competições disputadas no Brasil.

Posts Relacionados

SDT Na Bancada #32 Maldito Calendário

Nesta quinzena passamos pelas pequenas canchas do país para conversar com quem entende o que é ficar 4 meses ou mais sem ver seu time jogar, com a presença ilustra de Felipe Trafani (do Quadro Negro), Anderson Santos e Zé Pereira (ambos cabras do Baião de Dois).

Campeonatos Estaduais, clubes-empresa, concentração financeira e politica, elitismo e peso da TV entram na interessante conversa sobre a atualidade, os dilemas e os rumos do futebol brasileiro – e sua insistência em matar os seus tradicionais clubes que estão fora dos holofotes.

Posts Relacionados

Baião de Dois #151 – Campeões Estaduais

Nossos cabras celebraram campeões estaduais do Nordeste: Bahia, Botafogo-PB, CSA, Fortaleza, Frei Paulistano e Sport estão com as suas torcidas em festa.

Também houve momento para, mais uma vez, lamentar a truculência da PM pernambucana e a covardia de parte da torcida do Náutico em espancar um torcedor símbolo do Sport e o seu tutor. Previsões para os nordestinos nas séries A e B do Brasileirão e a Copa do Brasil fecham esta edição. Ouça e compartilhe!

Posts Relacionados

Posts Relacionados

Baião de Dois #147 Ocupe Arquibancada e Estelita

Nesta edição focamos em outro jogo… o da política. Seja na faixa censurada da torcida do Sport ou na ocupação do espaço urbano, a bancada tradicional do BD2 recebeu as cabras estreantes Beatriz Alves e Mellyna Reis, além da participação do vereador recifense Ivan Moraes Filho (Psol). Se você acha que política e futebol não se misturam… aperte o play e reveja seus conceitos.

Posts Relacionados

Baião de Dois #146 Empatação

É clássico nordestino? Então pode marcar na coluna do meio porque é certeza que vai ser empate. Foi sobre isso que os cabras se debruçaram nesta edição, além de falar da terra devastada que está o Barradão (mesmo com a chegada de novo treinador ao Vitória), a faixa para Marielle erguida pela Brigada Popular Alvirrubra, do Náutico, e a 7ª Rodada da Copa do Nordeste.

Posts Relacionados

Posts Relacionados

Posts Relacionados