Baião de Dois #175 – Sete Letras Mágicas: Campeão

Em pleno Dia do Nordestino, nossos cabras celebraram o mais novo campeão nacional da região. O Náutico empatou o jogo da volta em São Luis e conquistou a Série C. Dissecamos um pouco da campanha vitoriosa do Timbu e tivemos a chance de sentir a alegria do torcedor alvirrubro Paulo Neto, direto do Recife.

No Brasileirão, o CSA venceu o confronto direto contra o Avaí e se recuperou das últimas derrotas, ficando próximo de sair da Zona. Também nos alongamos em relação à derrota do Bahia e fizemos um gracejo rápido sobre a situação dos cearenses que estão se aproximando do Z4.

Enquanto que na Segundona, o Sport empatou novamente, desta feita com o CRB que segue com uma campanha ruim em Maceió, além de tratarmos da crise do Vitória, que ocupava a penúltima posição da tabela.

Por fim, uma corneta sobre o regulamento da Copa do Nordeste e a descrição dos dois grupos da competição.

Posts Relacionados

Plantão SDT Na Bancada #05 Calendário 2020

Na última edição do SDT Na Bancada tratamos dos problemas estruturais do calendário do futebol brasileiro. Dias depois, a CBF anunciou as mudanças para a próxima temporada, com a forte propaganda de estar atendendo aos desejos de clubes e jogadores.

Dentre outras coisas, as séries C e D tiveram as agendas ampliadas, indo até novembro, com a quarta divisão nacional mudando de formato; no entanto, viu-se o “cinismo” da Confederação em relação às datas-FIFA e Copa América.

Anderson Santos atualiza o debate sobre o tema, analisando especialmente os pontos positivos e negativos da mudança na base da piramide, além da situação de outras competições disputadas no Brasil.

Posts Relacionados

SDT Na Bancada #32 Maldito Calendário

Nesta quinzena passamos pelas pequenas canchas do país para conversar com quem entende o que é ficar 4 meses ou mais sem ver seu time jogar, com a presença ilustra de Felipe Trafani (do Quadro Negro), Anderson Santos e Zé Pereira (ambos cabras do Baião de Dois).

Campeonatos Estaduais, clubes-empresa, concentração financeira e politica, elitismo e peso da TV entram na interessante conversa sobre a atualidade, os dilemas e os rumos do futebol brasileiro – e sua insistência em matar os seus tradicionais clubes que estão fora dos holofotes.

Posts Relacionados

Posts Relacionados

Baião de Dois #172 Bacurau

Nossos cabras receberam dois nomes envolvidos com a produção cinematográfica do momento: Junior Black, que interpreta DJ Urso, e Mateus Alves, responsável pela trilha sonora.

Além de tratar sobre os bastidores da produção, a dupla trouxe detalhes do roteiro, escolha das músicas e, inclusive, como foi a sensação de representar o cinema pernambucano em Cannes.

No mais, aproveitamos a última pesquisa do Datafolha sobre torcidas, para sair um pouco das quatro linhas e debatermos a ausência dos clubes nordestinos na sua própria região.

Já dentro de campo, falamos do Sport no G4, seguido de perto pelo CRB, do duro empate do CSA contra o São Paulo em pleno Morumbi e, por fim, as partidas de ida das semifinais da Série C.

Posts Relacionados

Baião de Dois #171 Timbu Proletário Boliviano

Os amantes do futebol nordestino não tiveram do que se lamentar neste final de semana, entre eles, nossos baiônicos. A saga começou em Erechim, onde o Confiança foi buscar o empate após uma escalação bem questionável e o Dragão do Bairro Industrial garantiu o acesso, após 27 anos de espera.

Indo ao outro extremo do país, o Sampaio Corrêa proporcionou outro teste de emoções para o torcedor da Bolívia Querida e, depois de tomar o empate duas vezes, sacramentou sua volta à Segundona.

No domingo (08/09) foi a vez do Náutico, e sua torcida, invadir a série B. Depois de um jogo recheado de superação e uma decisão muito polêmica do árbitro gaúcho Leandro Vauden, o Timbu escreveu outra batalha em sua história, desta vez com desfecho feliz.

Por fim, lamentamos a goleada sofrida pelo Imperatriz ontem em Caxias do Sul, impedindo os 100% de aproveitamento da região nas quartas-de-final, mas destacamos a excelente temporada do Cavalo de Aço.

Posts Relacionados

Baião de Dois #170 A Hora de Subir é Agora

Comentamos todos confrontos das quartas-de-final da Série C, dando destaque para a vitória do Confiança, na única partida com gol, no singular mesmo. Também repercutimos a empolgação da torcida alvirrubra, que prometer lotar o estádio dos Aflitos.

Já no Brasileirão, o Bahia levou a melhor no duelo regional com o CSA, enquanto que no time alagoano, um áudio vazado de seu treinador fez mais barulho do que o resultado. No mais, a conhecida rivalidade das terras alencarinas, com o Fortaleza superando o Ceará na tabela.

Por fim, um relato in loco do empate sem gols entre Oeste e Sport, em plena manhã de sábado em Barueri!

Posts Relacionados

Baião de Dois #168 – Série C e sua primeira decisão

Nossos cabras puxaram suas calculadoras para levantar as projeções dos times que poderão avançar de fase em última rodada repleta de clássicos e, na contramão, o desabafo da torcida ABCdista ao deparar com o rebaixamento à Série D.

No Brasileirão, tivemos a segunda vitória do Azulão das Alagoas, a primeira sob o comando de Argel Fucks e aquele tradicional tratamento não muito amigável com o CSA.

Por fim, o jogo do Ceará contribuiu para que citarmos alguns pitacos sobre o assunto mais polêmico em vigência no futebol brasileiro: o VAR.

Posts Relacionados

Baião de Dois #167 Adeus, Ceni!

Depois de três títulos – Série B, Cearense e Copa do Nordeste- em um ano e oito meses na capital cearense, Rogério Ceni abandonou o Fortaleza no meio do Brasileirão e partiu para Belo Horizonte, onde treinará o Cruzeiro.

Nossos cabras fizeram um resumo de como foi a passagem do treinador pelo Tricolor de Aço e a forma como deixou o Pici.

Também abordamos as loucuras que reservam as duas últimas rodadas da Fase de Grupos da Série C e a recuperação do CRB na Segundona.

Posts Relacionados

Posts Relacionados

Posts Relacionados

Posts Relacionados