Xadrez Verbal

Xadrez Verbal #177 Eleições na Estônia

OUÇA O PODCAST

Passeamos pela Europa, começando pela Estônia, onde os cidadãos elegeram a oposição como maior bancada do Parlamento. Embora Kaja Kallas tenha tudo para se tornar a primeira mulher Premiê do país, ela ainda precisa formar uma coalizão. Aproveitamos e repercutimos notícias sobre antissemitismo, a França, a Santa Sé, o acordo nuclear com o Irã, dentre outros.

Claro que voltamos para a Venezuela, na qual Guaidó e Maduro continuam sua queda de braço, agora convocando protestos para o mesmo dia, amanhã! Passamos pela América Latina, com tweets bizarros e anúncios de viagens ao exterior.

Posts Relacionados

17 comentários em “Xadrez Verbal #177 Eleições na Estônia”

  • Eduardo Rozemberg disse:

    Graças ao meu sobrinho Daniel Martins de 19 anos, que agora está morando em Lisboa, estou audiodependente do Xadrez e o Fronteiras!

    Grande abraço!!!

  • Aislan Eugênio disse:

    Revoltado depois d saber essas verdades sobre o golfe… Como diria o sábio Rogerinho do Inga: TEM ACABAR O GOLFE!!!!! Kkkkkkk!

  • Rafael Martinati disse:

    Parabens Filipe e Matias,

    Uma música que também fala do caso de Rodney King é Like a King, do Ben Harper.. vale a pena ouvir!!!
    Estou esperando (sentado e quietinho no meu canto) por um fronteiras falando da imigração europeia para o interior de São Paulo. Sou de Limeira, terra da Internacional e do Independente.. e também terra da Revolta dos Colonos… um episódio pouco comentado até mesmo aqui na cidade.

    Um forte abraço

  • Luís Felipe Gonçalves disse:

    Ei Matias e Filipe, no momento em que vocês fizeram o exercício de imaginação com tweet do presidente e vocês falaram do Shinzo Abe, eu só pensei: Cara, vocês estão falando do Japão. Eu tenho certeza que ninguém ficaria surpreso, pois afinal como já disse o patrão do Filipe, Alex andré Ottoni: Veja bem,… Japão.

  • Matheus henrique disse:

    Olá pessoal, ótimo programa muito informativo como sempre. Gostaria de deixar uma efeméride da semana na historia que vocês deixaram passar, em 10/03/1557(462 anos) os Pastores Pierre Richier e Guillaume Chartier (huguenotes, protestantes franceses) enviados diretamente por João Calvino,celebraram na França Antártica o primeiro culto Protestante no continente Américano. Porém como já dizia o Filosofo urbano contemporâneo Sabotage, “Zé Povim Qué meu Fim”, infelizmente eles junto com outros membros da pequena comunidade foram entregues por Nicolas Durand de Villegagnon as autoridades eclesiásticas e o resto vocês podem imaginar.

    PS: Um abraço a todos os calvinistas que houvem o programa.

  • Jardel Cavalcante disse:

    O xadrez é ótimo mesmo como o tratamento desproporcional ao desgoverno do bolsa, devido os hostes não conseguirem disfarça a magoa por causa do resultado da ultima a eleição, ouço desde inicio onde achava que vcs eram um casal por causa do Matias dizer “Amigo e companheiro” hahaha…

  • Thomas Shikida disse:

    Excelente programa! E como citaram o país, sugiro um Fronteiras Invisíveis sobre Burkina Faso, acho que seria muito interessante.

  • Lucas Rocha de Oliveira disse:

    Não parem de falar desses países pequenos como Estônia por favor!

    Pra alguns, eles têm o seu valor, eu por exemplo tenhoà Estônia como uns dos 3 países ” moravéis”.

    E não existe conhecimento ou informação inútil. <3 #pas

  • José Jonas oares dos Reis disse:

    Lembrando dos conflitos entre Índia e Paquistão e de todo o “mimimi machista” de gente que não aguenta ver mulheres protagonistas, que tal recomendar algo que fale sobre os dois?

    Ano passado, tivemos o maravilhoso “Demons of the Punjab”, sexto episódio da 11ª temporada daquele documentário da BBC: Doctor Who

    Fica a dica, e um cheiro para os ossos de todos os habitantes da terra da Batalha do Jenipapo

  • Pior é que temos alguns bons exemplos de que o mundo não cresceu nos últimos anos. Se a gente reler 1984 e Revolução dos Bichos vamos achar que foram livros lançados recentemente. Fora que algumas discussões se aproximam do que foi escrito no livro A Utopia.

  • Compartilhando um tweet que postei outro dia

    “Para meus compatriotas tentando entender o #SNCLavalinScandal. É o troço mais canadense possível. Todos estão de acordo que ninguém fez nada ilegal mas alguém *possivelmente* tentou (sem sucesso) fazer algo não ético para salvar 9.000 empregos. A Nação está indignada.”

    https://twitter.com/masaruhoshi/status/1105461302842085376

    Estou no Canadá há mais de 10 anos e mantenho um site e um podcast que fala sobre a vida no país. Sigo o Xadrez verbal há muito tempo e sempre deixo vocês no top do meu feed de posdcast.

    Parabéns pelo excelente trabalho e pela fonte de inspiração.

  • Roberto Vaz disse:

    Meu caro São Paulino Matias, quero agradecer a companhia de vocês durante a semana no laboratório de química da UFSJ e Gostaria de mandar um mega abraço ao meu grande amigo Lucas Caetano que mora no Bahrein e é o maior fã da Theresa May que já pisou no Brasil além de ser um t grande testemunha da Huawei ( coloquei aqui só pq o Felipe tem dificuldades de falar). Abraços para ambos.

  • Marcelo Silva Lima disse:

    Bom dia, pessoal!
    E não sei se alguém já comentou isto, Filipe e Matias, mas…

    Ratão do Banhado também é o significado da palavra CAXINGUI. (informação que só sei por conta de um outro podcast, o NBW – Nós Brigamos no War).

    Aliás, até achei estranho ninguém comentar isto viu. Nem lá no site, e nem aqui na C3.
    Tanto que até comentei de novo.
    =P

    Um abraço a ambos, e ótimo final de semana!

Deixar um comentário para Marcelo Silva Lima Cancelar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar algumas tags HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>