ZAL #04 Bruxaria e aborto no califado brasileiro

OUÇA O PODCAST

ZAL #04 Bruxaria e Aborto no Califado Brasileiro

A quarta edição do Zona Autônoma Literária, neste 7 de novembro de 2018, traz duas mulheres num cenário em que elas integram o frontline na batalha contra a ascensão de Bolsonaro: Alana Moraes é antropóloga feminista e pesquisadora do Museu Nacional – UFRJ, tratando de formas democráticas menores e os atravessamentos entre gênero, política e subjetividades; Lia Urbini é cientista social e trabalha atualmente como revisora e preparadora de textos, já foi professora de sociologia em escolas estaduais, comunitárias e privadas, e também é assistente de direção e dramaturgia do Coletivo Inclassificáveis.

O debate aconteceu diante dos livros Calibã e a bruxa: mulher, corpo e acumulação primitiva, da marxista e feminista Silvia Frederici, lançado em 2017 pela editora Elefante em parceria com o coletivo Sycorax e a Fundação Rosa Luxemburgo; e também Pró: reivindicando o direito ao aborto, de Katha Pollitt, poeta feminista e colunista da The Nation, que a Autonomia Literária está lançando.

Tem também, como de costume, cupom de desconto para compra de livros e o quadro que trás a voz da poesia das ruas. O ZAL debate política, economia, cultura e temas urgentes do nosso tempo, sempre sob mediação dos últimos lançamentos de uma rede de selos parceiros. E mais: senso crítico sobre o mercado editorial e as novidades do mundo dos livros no Brasil e no mundo. Uma produção de Paulo Junior, Cauê Ameni, Daniel Corral e Guilherme Ziggy. A leitura dessa edição foi de Michelle Coelho.

Posts Relacionados

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar algumas tags HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>