Medo e Delírio em Brasília
15 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 469 | Generais prestes a atear fogo às próprias vestes | 14/04/20

Mandetta perde os milicos, Mourão no Estadão, Merval e o crazy do planalto.
Medo e Delírio em Brasília
14 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 468 | A única saída institucional é uma ambulância rumo ao hospício | 13/04/20

Tretas, blefes, pós-pandemia e chapéus de alumínio.
Medo e Delírio em Brasília
9 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 463 | 1 ano de Abraham. Falhamos miseravelmente. | 08/04/20

Bora fumar um Derby e tomar Dreher pra comemorar =/
Medo e Delírio em Brasília
8 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 462 | O “medo” e o “pavor” do brocha da Bic | 07/04/20

Bolsonaro, Mandetta, educação no governo Bolsonaro e muita lisergia
Medo e Delírio em Brasília
7 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 461 | Rainha da Inglaterra | 06/04/20

Bolsonaro rainha, Weintraub treteiro, um relato sobre NY.
Medo e Delírio em Brasília
3 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 457 | Os generais golpearam o capitão | 02/04/20

Braga Netto, Presiden… Chefe do Estado-Maior do Planalto
Medo e Delírio em Brasília
2 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 456 | “Dá a chupeta pro *%&# não chorar” | 01/04/20

O choro de Bolsonaro e o novo pronunciamento
Medo e Delírio em Brasília
1 de abril de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 455 | “The family in the hole”

O 31 de Março de Bolsonaro
Medo e Delírio em Brasília
31 de março de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 454 | “Enfrentar como homem, não como moleque”

“Temos ódio à ditadura; ódio e nojo.”
Medo e Delírio em Brasília
30 de março de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 453 | Medo, delírio e Bolsonaro no Datena

A entrevista de Bolsonaro para o Datena
Medo e Delírio em Brasília
27 de março de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 450 | A solidão do presidente decorativo

26/03/2020 - O mais isolado dos presidentes
Medo e Delírio em Brasília
26 de março de 2020

Medo e Delírio em Brasília #Dia 449 | O mais inacreditável dos pronunciamentos

Jair truca, bica a mesa, estapeia os colegas e dá tiro pro alto