Baião de Dois

Baião de 2 #164 – Meu país é livre e te fode Bolsonaro

OUÇA O PODCAST

Se o Nordeste fosse independente,
O povo seria muito mais respeitado,
Não existe camarada batendo panela,
Porque é nela onde se cozinha o picado.

E se a país do Nordeste fosse se formando,
Das minhas praias viriam a luz,
Do meu Agreste o coração,
Para no Sertão nós fincarmos a nação.

E o Nordeste grita pela autonomia,
O nosso hino é uma sanfonia,
A nossa confraternização é com Buchada,
Sob a benção do Rei Luiz Gonzaga.

Agora o Nordeste virou país!
Festa no coreto com um forró amoado,
O grito foi formado e clamado bem alto,
Meu país livre e te fode Bolsonaro.

Posts Relacionados

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar algumas tags HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>