Xadrez Verbal #202 Parliamexit

Repercutimos a 45ª cúpula do G7, em Biarritz, e de lá giramos pelos resto da Europa, onde Giuseppe Conte voltou a ser o premiê italiano, com a formação de uma coalizão entre o Movimento 5 Estrelas e o Partido Democrático, e criticamos a polêmica e autoritária decisão de Boris Johnson de suspender o Parlamento britânico por cinco semanas, durante as negociações do Brexit.

Também demos um pião pela nossa quebra latino-americana, para falar novamente da Amazônia e da crise de relações entre Brasil e França, que sobrou até para uma marca de caneta francesa. Por fim, fomos até a Argentina, onde o governo declarou moratória de sua dívida com o Fundo Monetário Internacional e retomamos os desdobramentos do caso Itaipu.

Posts Relacionados

Xadrez Verbal #145 Singapura

Sua revista semanal de política internacional em formato podcastal chegando em clima de Mundial (de Futebol)! Matias Pinto e Filipe Figueiredo vão até Singapura, onde ocorreu o histórico encontro entre Kim e Trump. Quem disse o quê? O que foi assinado? Quem ganhou? O que vai acontecer agora? Quem é Dennis Rodman? O que a Coreia do Sul achou? Quem comeu costela? Todas essas perguntas serão respondidas no programa de hoje.

Recebemos nosso amigo da Flórida, Gustavo Rebello, que comenta sobre os referendos e votos populares dentro dos EUA, especialmente a proposta de divisão da Califórnia em três estados diferentes. Também fomos até o G7, no qual Trump e Trudeau trocaram farpas após o encontro, com a retirada dos EUA da declaração final. Aproveitamos e passeamos pelas notícias dos países integrantes além de um Menino Neymar que não é rei fecham o programa.

Posts Relacionados

Xadrez Verbal #144 – 44ª Cúpula do G7

Demos uma banda pela América Latina, discutindo violência eleitoral, desastres naturais, a Venezuela e também as relações latino-americanas com Israel, seja no Brasil ou Argentina.

Também giramos pelo grande Oriente Médio, com destaque especial para a situação na Jordânia e a falta de consenso sobre o Irã.

Falando nisso, observamos os preparativos para o encontro do G7 no Canadá, em que Trump e seus aliados não estão falando a mesma língua, sem trocadilho. Guerra comercial à vista?

Posts Relacionados